Tráfego Pago em Portugal

Para entender onde, como e por que contratar um profissional de tráfego pago em Portugal, é preciso entender o que significa o tráfego de seu website. Afinal, de forma bem simples, tráfego diz respeito a acessos no seu site, loja ou landing page.

Qual a importância do tráfego para um website?

O tráfego nada mais é do que a audiência do seu site, o seu fluxo de visitantes. Aliás, sem tráfego, um website, blog, canal do YouTube não tem razões para existir, já que suas ações e estratégias não teriam um público interessado. Além disso, um site com bom tráfego tem mais chances de conversão, público alvo mais amplo, maior engajamento e chances de vender muito mais. Portanto, os usuários se tornam tráfego de um website ao encontrá-lo no Google, em uma rede social, e-mail marketing ou até mesmo colocando o endereço da empresa diretamente no navegador. Então é fundamental para o sucesso de qualquer projeto online que existam pessoas interessadas naquilo que você tem a dizer: a audiência que o seu website tem. Este é um dos pilares fundamentais para que você tenha visibilidade e atraia novos clientes, conquiste mais fãs, mais seguidores e mais leitores.

O que é tráfego pago?

Atualmente, como os sites, páginas e até mesmo perfis em rede sociais são ferramentas poderosas em estratégias de marketing digital, é possível pagar uma certa quantia para atrair visitantes para suas páginas, o tal do tráfego pago. Nesse caso, você investe um valor em uma determinada plataforma e isso faz com que mais visitantes cheguem até o destino que você define, que pode ser seu website. Um exemplo que você com certeza já se deparou é um anúncio do Google. Nesse caso, você escolhe uma palavra chave relevante para o seu negócio e, quando pessoas pesquisarem por ela, a sua página aparece com destaque na primeira página. Tráfego pago são anúncios publicitários criados através de plataformas específicas gerando acesso ao seu site, e também é conhecido como link patrocinado.

Vale a pena investir em tráfego pago em Portugal?

Se a sua dúvida é se vale a pena investir em tráfego pago em qualquer país, a resposta é: depende se quer ter resultados imediatos ou duradouros. Através do tráfego pago você seleciona as palavras-chaves relacionadas àquilo que você deseja comunicar e o seu site aparecerá nas primeiras posições do Google ou nas redes sociais escolhidas, aumentando sua visibilidade e alcance. Dessa forma você será mais visto, gerando tráfego no seu site e aumentando a sua autoridade online. O interessante do Tráfego Pago é a intensidade com que ele irá divulgar seus produtos e serviços e na forma como você poderá personalizar o seu anúncio, chegando a quem realmente está interessado naquela informação, aumentando o potencial de vendas da sua marca. Você poderá trabalhar com uma quantidade mais variada de palavras chave em menos tempo do que se tivesse escolhido otimizá-las para a busca orgânica através de técnicas de SEO. Certamente, você consegue também escolher qual das páginas seu potencial cliente irá acessar ao visitar o website, as famosas landing pages. Ao aplicar esta estratégia, você terá uma variedade de páginas que tem como objetivo principal o relacionamento e a conversão de leads para seu negócio. Investir com tráfego pago vale a pena caso se a sua estratégia se encaixar em pelo menos uma das seguintes situações:
  • Não tem tempo para estudar SEO e produzir conteúdo relevante;
  • Não conta com uma equipe especializada em marketing de conteúdo;
  • Seu website foi criado há pouco tempo e ainda não consegue gerar um tráfego de visitantes para ele;
  • Vai criar um website e quer ter certeza que ele vai ter visibilidade diante do seu público-alvo.
Outra vantagem de investir em tráfego pago é que te ajuda a aumentar a taxa de conversão, melhorando não só o tráfego do site, como também sua autoridade online. Por fim, o tráfego pago é uma das mais potentes ferramentas do Marketing Digital, já que irá gerar grande quantidade de clientes para a sua empresa. Também vai atuar fortalecendo a sua marca e fazendo com que ela fique exposta em todos os resultados determinados por você, tornando-se assim, relevante na memória do seu possível cliente. Somos especialistas em tráfego pago em Portugal e no Brasil.

Tráfego orgânico vs tráfego pago em Portugal

O que difere esses dois tipos de tráfego em qualquer país é o investimento que se exige para aumentar os acessos às páginas que deseja. Enquanto no tráfego orgânico, você tem que dispor de tempo, dedicação e técnica, no tráfego pago, o investimento é em dinheiro mesmo. Portanto, esta escolha depende de quanto você pode aplicar em suas campanhas online e do quanto você é capaz de criar anúncios atraentes e ao mesmo tempo relevantes. Então, para entender esses dois conceitos, tenha em mente que:
  1. Tráfego orgânico não tem custo direto. É aquele em que o visitante chega até suas páginas de forma natural, ou seja, sem clicar em um anúncio.
  2. Tráfego pago é aquele que acontece assim que o visitante clica em um de seus anúncios e é direcionado para o seu website.
Apesar das diferenças, ambos costumam fazer parte das estratégias de marketing digital das empresas. Segundo dados da Moz, uma empresa especializada em marketing digital e SEO, cerca de 71% das pesquisas resultam em cliques nos links da primeira página, enquanto apenas 5% das pessoas, de fato, clicam em links das segunda e terceira página. Então, com esses dados já dá pra perceber que não é nada fácil ser visto nos grandes sites de busca, sobretudo se você trabalha em um mercado grande, tem muita concorrência ou acabou de começar. Ter um tráfego orgânico recorrente é excelente para seu negócio, porém, não é uma tarefa simples. Resultados orgânicos são bastante efetivos, mas uma estratégia de SEO só funciona a longo prazo (média de 3-6 meses) e exige muito estudo, planejamento e dedicação. Então, se você não possui uma equipe de marketing especializada em marketing de conteúdo, o tráfego pago é uma excelente alternativa por isso é tão atraente.

Tráfego pago em Portugal como funciona?

Para entender como funciona o tráfego pago em Portugal ou em qualquer outro país, é preciso saber um pouco da parte técnica. Existem dois métodos mais destacados para que os anúncios sejam exibidos e possam levar tráfego para as suas páginas:
  • CPC (Custo Por Clique)
  • CPM (Custo Por Mil Impressões).
Como a ordem de exibição dos anúncios nos resultados de busca depende de um leilão entre aqueles que querem anunciar é preciso optar por um desses métodos para dar seu lance. Então, você pode pagar pelo clique que o usuário dá no seu anúncio (CPC) ou por aparecer mil vezes no resultado de busca (CPM). A posição dos anúncios nos resultados depende do lance dado dentro da plataforma de anúncios. Agora, aprofundando um pouco mais CPC e CPM: CPC é o método mais indicado para levar tráfego real para as suas páginas, já que você só vai pagar pelos cliques que seus anúncios receberem. CPM é recomendado para quem quer ter maior visibilidade, pois o foco é fazer com que o anúncio apareça mais vezes. Como você pode ver, o objetivo de um é gerar clique e, de outro, simplesmente aparecer. Se ainda não tem certeza de qual é a melhor escolha para as suas campanhas online, a recomendação é a seguinte:
  1. Escolha o CPC se sabe quanto quer gastar nessa estratégia de marketing;
  2. Prefira o CPM se acabou de criar seu negócio e quer ter mais visibilidade e posicionamento de marca.
Depois de definir a opção, basta criar seu anúncio e fazer as devidas configurações para que ele possa ser exibido exatamente para o público que deseja alcançar.

Quais são as principais plataformas de tráfego pago em Portugal?

Utilizando a ferramenta Google Ads, os anúncios aparecem nos mecanismos de busca do Google e demais parceiros. Além de te dar as duas opções (CPC ou CPM), outro atrativos de se usar o Google Ads é a possibilidade de segmentar o público que você deseja atingir. Na segmentação, você pode selecionar em quais dispositivos você deseja que as pessoas vejam os anúncios, quais localidades, gênero, faixa etária dos usuários, interesses e muito mais. Assim, você garante que irá atingir um tráfego que realmente seja qualificado para o seu negócio. A ferramenta ainda possibilita que você faça testes A/B para avaliar quais métodos de publicidade são mais apropriados e efetivos para sua estratégia.

Facebook Ads

Hoje, o Facebook é uma poderosa ferramenta de marketing para empresas. No ano passado, mais de 2 bilhões de pessoas já possuiam conta nessa rede social e eram ativas mensalmente. Por isso, anunciar nessa plataforma é uma excelente forma de trazer clientes para seu negócio e trazer visibilidade para sua marca. Aqui também é possível trabalhar com uma segmentação minuciosa de audiência para atingir exatamente o perfil de pessoas que você deseja.

YouTube Ads

Se o seu negócio é em vídeos, o YouTube Ads pode ser uma excelente ferramenta. Hoje em dia, os vídeos online já representam grande parte do tráfego online e, além disso, são poderosas ferramentas de atração e encantamento para o marketing digital. Portanto, se você é produtor de conteúdo em vídeo, a dica é a seguinte: O YouTube Ads é uma excelente forma de promover seus vídeos na plataforma e utilizar isso como isca de público para o seu canal profissional, no qual você pode vender seus conteúdos, produtos ou serviços.

Instagram Ads

E se a pergunta é como fazer tráfego pago no Instagram, a resposta é na mesma ferramenta do Facebook Ads. É lá que você cria anúncios dentro do Instagram, seja em fotos, vídeos, feed ou até mesmo Stories.

LinkedIn Ads

Tem um negócio B2B? A melhor saída é anunciar no LinkedIn Ads, a plataforma de anúncios da rede social voltada aos negócios. Com diferentes formatos de anúncios dentro do LinkedIn, o LinkedIn Ads oferece possibilidades para anunciar na timeline, na barra lateral ou como mensagem na caixa de entrada (InMail). E a segmentação pode ser feita por função, título, nível de experiência, indústria, tamanho de empresa e muito mais.

Taboola

Taboola é uma plataforma de anúncios nativos que ajuda a atrair e a qualificar o público. Só para refrescar a memória, anúncios nativos são aqueles que o público não percebe que se trata de publicidade. Isso acontece porque assume forma diferenciada de conteúdo. Então, aparece como qualquer outro blog post, com o objetivo de levar o público para tomar uma ação.

Bing Ads

Embora não seja tão usado quanto o Google, o Bing é a segunda plataforma de busca mais popular do mundo. E, como tal, também tem o serviço de tráfego pago em Portugal. É resultado de uma parceria entre a Microsoft e o Yahoo para competir com o Google e que lembra muito o Google Ads. Se você aprender a usar um, com certeza, não terá dificuldade em criar anúncios no outro.

Conclusão

Atente-se às peculiaridades de cada rede e cada fonte de tráfego para garantir que irá passar sua mensagem da forma mais apropriada possível Uma rede como o LinkedIn possui um público bem diferente do que o que utiliza o Facebook. Além disso, uma rede como o Instagram aposta muito mais em determinados tipos de post, como imagens e vídeos, enquanto outras são focadas em textos. Inclusive, algumas redes podem nem ser tão indicadas assim para o seu tipo de negócio. Assim, uma dica importantíssima é criar um plano específico para cada fonte de tráfego pago e garanta que sua comunicação será efetiva em cada uma delas. Investir em tráfego pago em Portugal é uma excelente maneira de atingir um público qualificado de maneira rápida e efetiva. Atualmente existem diversas fontes que permitem anunciar seu site, página, blog ou loja virtual e uma dessas fontes pode ser a ideal para seu negócio. Entre em contato conosco. Somos especialistas em tráfego pago em Portugal e no Brasil. E assine nossa newsletter abaixo para receber nossos artigos de empreendedorismo.

Entre em Contato

* indicates required
Logo Coletiv.me

Shopping Paseo Itaigara - Loja 217
(71) 98270-8014